medicina tradicional chinesa (mtc)



A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) é um dos sistemas de medicina mais antigos e mais usados no mundo. Na China, a medicina tradicional é praticada lado a lado com a medicina moderna ortodoxa nos hospitais e consultórios médicos.

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) é um dos sistemas de medicina mais antigos e mais usados no mundo. Na China, a medicina tradicional é praticada lado a lado com a medicina moderna ortodoxa nos hospitais e consultórios médicos.





Os recursos terapêuticos principais da MTC são a acupuntura e a fitoterapia.


Na medicina Chinesa, a doença é considerada uma desarmonia do corpo inteiro que produz síndromes patológicas energéticas, manifestadas em sintomas e 'sinais'. O tratamento aspira 'expelir agentes patogénicos' (se presente), promover a força vital (Qi), e restituir o equilíbrio da constituição.


Na acupuntura isso é feito através da inserção de agulhas finas em pontos chaves no percurso das linhas sutils de energia do corpo (meridianos).


As ervas chinesas agem de forma direta nos órgãos e sistemas internas (Zang Fu), equilibrando as substancias vitais e o espírito (Shen).


As ervas medicinais podem ser benéficas para quase todos os tipos de problemas de saúde. Fitoterapia pode ser aplicada sozinha ou juntamente com tratamentos ortodoxos. Em caso de problemas médicos mais sérios, ou para usar ervas medicinais em conjunto com remédios ortodoxos, sempre consulte um fitoterapeuta profissional ou um médico formado em fitoterapia.


Problemas de saúde que reagem bem à fitoterapia incluem:

Problemas digestivos como Síndrome do Intestino Irritável, indigestão, úlceras pépticas, prisão de ventre crónica, colite úlcerativa, e doença de Crohn.

Problemas cardiovasculares incluindo angina, hipertensão, colesterol alto, edema, varizes e hemorróidas.

Problemas respiratórios e alérgicos como asma, rinite, sinusite, bronquite, amigdalite, tosse, resfriados, gripe e alergias em geral.

Problemas de pele como eczema, psoríase e acne. Problemas músculo-esqueléticos incluindo artrite, gota e fibromialgia.

Problemas ginecológicos como TPM, cólicas menstruais, menstruação irregular ou profusa, infertilidade e problemas de menopausa.

Outros problemas médicos como insônia, dor de cabeça e enxaqueca, cistite, problemas comuns da infância, ansiedade e depressão, estresse e tensão, sindrome da fadiga crônica, fadiga em geral e baixa vitalidade.


Acupuntura


Além de ser comprovadamente benéfica para tratar dores e problemas músculo-esqueléticos e neurológicos (incluindo enxaqueca / dor de cabeça, dor nas costas e ciática, etc.), a acupuntura também é usada com sucesso para tratar a maioria dos problemas citados anteriormente. Freqüentemente é mais eficiente quando usada em conjunto com fitoterápicos.



marque uma consulta